29/10/10

Amiga... (resposta)

Sim, é verdade que quero ter notícias tuas. É verdade que me preocupo contigo. É verdade que temos esta relação telepática que sendo tão boa me deixa algumas vezes inquieta.

Tenho pensado muito em ti, como te disse.
A Vida, com todos os seus imprevistos, troca-nos as voltas. E nem sempre, quando fazemos o balanço, nos damos por satisfeitas com o que temos e achamos que no fundo era para ser de outra maneira.
Também dou por mim às vezes a pensar onde é que a Vida fez a curva. Mas depois apercebo-me que este caminho é o meu caminho.
Temos saúde. Temos trabalho. Temos uma família linda; um marido activo e companheiro; temos dois filhos lindos, espertos e saudáveis; família carinhosa que nos rodeia...

Melhores dias virão. Com certeza.
E daqui a muitos anos, numa daquelas viagens fantástica que nós ainda vamos fazer os 4 -quando os miúdos já nem quiserem viajar conosco- ainda vamos recordar esta fase menos boa que o país e o mundo atravessa. E vamos suspirar aliviados por ela já ter passado e nós a termos ultrapassado.

Beijos.
Gosto muito de ti. De vocês.

26/10/10

Promessa de filha

LU- Mãe, quando eu for mãe e tu fores avó eu vou te comprar um casaco da kitty
Mãe- sim, mas quando tu fores mãe e eu fôr avó eu já vou ser mais velha, não fica lá muito bem andar de casaco da kitty :o)
LU- Então pode ser outro? Que cor é que tu gostas? Azul, castanho... ou cinzento assim como a tua camisola?
Mãe- cinzento, sim. Pode ser cinzento.
LU- Então está bem. Depois escreve num papel para eu não me esquecer, está bem?

(quantos anos teria esse papel que sobreviver??? Mas conta a intenção. E fico feliz de saber que te preocupas com o meu futuro)

23/10/10

"Se..."

Esta música é LINDA!!!!
LINDA por si só e por tudo que significa na minha relação, na minha paixão, na minha vida...
A letra fez todo o sentido quando, numa fase de chove-não-molha que estavamos a viver.

Ainda bem que eu não desisti. Ou não tinha ao meu lado o Homem que tenho hoje.
Tudo valeu a pena...


DJ AVAN (piada interna - hahahahahhhhhhh)




Vc disse que não sabe se não
mas também não tem certeza se sim...
Quer saber?
Quando é assim,
deixa vir do coração

Você sabe que eu só penso em você
Vc diz que vive pensando em mim
Pode ser...
Se é assim
Vc tem que largar a mão do "não"
Soltar essa louca, arder de paixão
Não há como doer pra decidir
Só dizer "sim" ou "não"
Mas vc adora um "se"

Eu levo a sério mas vc disfarça
Você me diz à bessa e eu nessa de horror
E me remete ao frio que vem lá do sul
Insiste em zero-a-zero e eu quero um-a-um
Sei lá o que te dá
Não quer meu calor
S. Jorge por favor me empresta o dragão
Mais fácil aprender japonês em braille
Do que vc decidir se dá ou não




"Dono dos teus olhos"

Não te esqueças que sou dona dos teus olhos
Faça o favor não espiar pra mais ninguém
Esse azul cor de promessa dos teus olhos
Faz qualquer cristão gostar de tu também

Que nosso senhor perdoe os meus ciumes
Quando penso em cegar os olhos teus
Pra que eu - somente eu - seja o teu guia
os olhos dos teus olhos, a luz dos olhos teus.

Gal Costa
"Dono dos teus olhos"

22/10/10

Passeio romântico

No domingo tivemos ums folga dos babes e aproveitamos para fazer um passeio muito giro e romântico.
Apanhamos o barco em Cacilhas, rumo ao Cais do Sodré. Seguimos de metro até ao Chiado e almoçamos no Rossio.
Depois de um belo passeio a pé pela baixa, paragem obrigatória: gelados santini.
Huuuuummm, D-E-L-I-C-I-O-S-O!!!!!!

Por fim, descemos a rua até aos barcos a pé e voltamos no cacilheiro.
Foi bom para namorar, namorar, namorar... A dois, sem sentidos em alerta, sem choros nem idas à casa de banho nem fraldas sujas...

E apesar de ser um sítio onde até vamos bastantes vezes, foi diferente.

A chucha do Gummy

Já tinha ouvido a melodia, até já a tinha trauteado. Mas só hoje prestei a devida atenção para "descodificar" o que o urso diz, enquanto salta e canta parece que tem os dentes serrados.
Agora eu pergunto: não será uma das batalhas dos pais retirar a chucha aos seus filhos?
Pois, esta musica não ajuda.



"Chucha, chucha, chucha, adoro a minha chucha, quero a minha chucha só pra mim
Melhor que um biscoito, até me deixa louco, quero esta chucha só pra mim.
...
Vou ser grande e forte mas de chucha na boca
É só o que consigo imaginar"

Com estes argumentos, cantados em rima, fica difícil.
Digo eu.

21/10/10

Opiniões...(valem o que valem)

Será que o  mundo é tão pequeno que não cabem as várias opiniões das várias pessoas que nele existem?
Sim, se não pudermos ter opinião, o nosso espaço fica realmente reduzido.
E se, no núcleo que nos rodeia, não houver espaço para opiniões diferentes, apenas por essa simples razão - de ser diferente - então, aí sim o mundo fica claustrofobicamente pequeno.

Ontem senti-me asfixiada. Mas já tenho ar outra vez.
Vou continuar a ter opinião. E apesar disso, vou continuar a gostar de quem gosto. Mesmo sendo diferente de mim. Mas eu deixo espaço para a diferença :o)

18/10/10

Liderança

Lamento, sempre que concluo por A+B, que  quem nos chefia nem sempre nos lidera.
Mas está certo. E faz sentido.

Porque se fosse imprescindível saber liderar não seria atribuído um subsídio de chefia. E sim de liderança.
A minha cabeça, depois de uma reunião no trabalho:


Hierarquia


                  Disposição


                                     Disponibilidade


                                                               Reconhecimento


                                                                                           Liderança

Laço rosa

Outubro.

Este é o mês da Campanha de Prevenção do Cancro da Mama.

Eu alinho!
Esta semana li uma frase fantástica que acho que ajuda a encarar muita coisa e de  maneira muito diferente:

Num mundo onde se quer tanto ter, o Homem esquece-se de ser.

É bonito. E dá o que pensar...

Mais uns registos da Lu (III)

- Lu, vai lá arrumar estes teus livros na estante.


- Não é na estante, mããããe. É na "bibloteca" (e não ser livroteca já foi uma sorte!)

Mais uns registos da Lu (II)

Mãe, sabes, eu e a M. estavamos a brincar a fingir que estavamos a andar de mota.
E sabes onde nós andavamos, mãe?
Numa "motoestrada" (faz sentido. E se fossem de carro era uma carro'strada)

É tão bom...

...adormecer-te no meu colo, apesar de estares tão crescido que me foges dos braços.
E deitar-te na tua cama, deixar-te aninhado a ti mesmo e à almofada de sempre e, quando volto aver-te uma hora depois continuas na mesma posição, num sono abençoado.
É tão bom ter-te.
Tão bom....

Mais uma "pesagem"

4ª feira foi dia de ir à balança.
Apesar de já ter atingido o objectivo, há que controlar a coisa pra não descambar tudo outra vez!

Pois bem, aqui a "moi" - e apesar do aniv da filhota e de alguns desaires pré-monstruais - ainda conseguiu perder (sim, PERDER!) 600g!

UHHHHHUUUUUU!


Mais ainda:
UUUUHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU! às minhas partners do peso - ou melhor, da perda dele:
» Parabéns Karol
» Parabéns  maryP

Daqui a mais 15 dias, nova prova.
Esta, para já, está superada. E sabe tããããããããõ bem!!!!!!!!!!!!!!

O tempo...

... não chega para tudo!

E por isso tenho andado desparecida daqui.
Mas ando sempre de bloquinho em punho e escrevo o que me vai na cabeça.
Hoje é dia de "passar a limpo"...

11/10/10

O banco da discórdia

A Lu acompanha-me na cozinha desde muito pequenina.
Quando vou para a cozinha lá vinha ela a correr nos seus passinhos pequeninos, arrastava o banquinho para perto de mim e punha-se em biquinhos de pés a ver o que eu estava a fazer.
Agora, vai buscar o banco e põe-se no mesmo sítio de sempre e ajuda-me numa qualquer tarefa que lhe atribua.
Este é o banco da discórdia

O JL começou a querer fazer o mesmo.
Mas só há um banquinho. E aqui começa a guerra...!

Ela sobe para o banco e ele vem a correr no seu passo de pato, a tentar destroná-la. Quase que consegue. E ela entretanto começa a ralhar com ele e ele começa a gritar............ e nessas alturas apetece-me pegar nos 2 e meter dentro de uma caixa e mandá-los para... Madagáscar! Hahahahhhhh

Mas a verdade é que muitas das vezes eles não se conseguem entender e eu tenho que esconder o banco...

Nota mental: numa próxima ida ao ikea, trazer outro banco. Por €2,01 não se justifica esta guerra cá em casa :o)

Mais uns registos da Lu...

...para mais tarde recordar (tu-ru)

depois de eu ralhar com o JL aLu comenta que "o mano  faz de conta que não ouve" e eu respondo que ele "é como a mana, faz-se de surdo" ao que ela me responde:
- pois... (risos) se calhar tens que trocar de filha (muitas gargalhadas)...



- mãe, quando nós estamos a pensar uma coisa na nossa cabeça as outras pessoas conseguem ver o que nós estamos a pensar?
(não, filha, felizmente não- hahahahhh)



Lu, muito constipada
- mãe, quando baixo a cabeça dói-me muito aqui (a apontar para a zona do nariz)
(boa, filha, já consegues ajudar no diagnóstico)



- mãe, se o nosso coração parar de bater nós morremos?

09/10/10

Ballet...

Este ano a princesa vai às aulinhas de ballet na escola. Era um pedido dela desde o ano passado, mas não acedemos porque achamo-la muito nova e ainda descoordenada para poder tirar algum proveito.
Mas este ano, lá está.


E eu fui assistir às escondidas a uma aula (queria saber se valia a pena mantê-la para além do período experimental gratuito que a escola fornece) e fiquei encantada.
É uma aula muto fantasiosa, feita com temáticas de encantar e muito muito delicadas. As fadas, as estrelas, os pozinhos mágicos estão sempre presentes. E em termos de aproeitamento, acho que este alongamento é benéfico, podendo vir a ajudá-la numa postura mais correcta.

Por outro lado, foi bom ver que ela é realmente uma menina disciplinada e obediente (que orgulho).
Ao mesmo tempo senti-a inserida num grupo onde ela se sente bem - no fim da aulinha, fiquei a vê-la calçar-se sozinha junto com outras meninas, a fazer piadas e brincadeiras que mostram cumplicidade entre elas.

06/10/10

05/10/10

Que lindo dia de anos...

Foi, realmente, um lindo dia!
Esteve sol, o dia brilhou e não houve sombra de nuvem que nos apoquentasse.
Lá fizemos o piquenique, que correu bem, apesar de ter ficado com a sensação de que menos cerveja e mais comida não teria ido mal (se bem que a intenção era ser um lanche e pala além do mais sobrou cerveja e salgados, e doces também. Conclusão: esquece...)

A filha brincou, correu e saltou, teve os amigos pertinho dela. Felizmente não houve zangas nem chapadas mal dadas nem paizinhos a defender as travessuras maldosas dos seus rebentos. Enfim, há-que ser selectivo: se a fórmula funciona, para quê inventar?

Soube-me bem estarmos rodeados de pessoas que nos querem bem.
Soube-me bem sentir que os meus filhos têm os seus amiguinhos, e que nós temos os nossos amigos e que uma tarde bem passada e em boa companhia nos dá anos de vida!

Também foi bom receber sms no telemóvel com mensagens de Parabéns e de satisfação pelo lindo dia de sol que se pôs. Estava feita uma corrente positiva com direito a figas e tudo. E parece que funcionou, que S. Pedro colaborou e muito (basta ver o dia chuvoso que esteve no Domingo...)
Obrigada a todos os que se lembraram deste dia.

E um obrigada especial ao Luís P. que se deu ao trabalho de vir dar uma beijoca à princesa depois de um dia de trabalho. Há gestos que dizem tudo...

Parabéns, Princesa Lu!

Se tivesse que criar um Top5 de dias mais felizes da minha vida este seria, com toda a certeza, um deles: o dia do nascimento da minha princesa.
Depois de uma gravidez tão planeada e desejada foi tudo vivido a cada semana, por nós os dois e como casal, de uma maneira muito intensa.
O dia do nascimento foi muito calmo, as 5 horas de trabalho de parto foram muito tranquilas e a sensação de a ter nos meus braços pela primeira vez foi, é e há-de ser sempre indescritível.

Faz hoje 4 anos que nasceu a nossa pipoca. Tem sido uma criança calma, muito esperta e muito muito doce.

Filha, és tudo o que a mãe sonhou.
Tenho-te como um tesouro e amo-te do fundo, mesmo lá daquele cantinho bem pequenino na pontinha do coração.
Parabéns...!

04/10/10

"Boa Tarde?" Naaaaahhh

O novo programa da tarde da SIC é um bocado para o mau...!
E à Conceição Lino, que é boa jornalista, fica muito mau este formato televisivo.
Falta emoção, sensibilidade. Faltam as atitudes e palavras de levar às lagrimas. (Falta a Fátima Lopes)

Quer-se me parecer que a TVI deve er muito mais audiência depois dessa transferência. Foram espertos, os de Queluz, hein?


Bem, tenho que arranjar alguma coisa para elogiar porque os dois posts que deixo aqui no dia de hoje são críticas negativas, da televisão.

Deixa-me dormir...!

Vocês já repararam como a voz do Bruno Nogueira é irritante?
E não é uma campanha contra o rapaz (até porque eu farto-me de rir com as coisas que ele faz), é mesmo porque a voz dele dá cabo do meu sistema nervoso...! Sendo que só ontem é que eu reparei...
Isso porque, o Carlos estava a ver o programa Lado B, e eu já estava a dormir.
E de repente eu mando um salto na cama, porque me asustei com uma das entoações que ele deu - acordou-me portanto!
E a partir daí foi uma série de altos e baixos em que ele entranhava os meus ouvidos com gritinhos e sussurros...
Irra, está provado que eu não consigo só "ouvi-lo" - tenho que ver e prestar atenção...

02/10/10

A minha Colecção

Na sequêncis das fotos-de-coisas-que-quero-postar-no-blog mas perdidas no telemóvel deixo aqui uma curiosidade:

Numa vez que fomos beber café, na Fonte da Telha, o Carlos entregou-me isto:
(É lindo não é? Uma declaração de amor original...)


Andou na minha carteira durante meses. Quando começou a ganhar este aspecto gasto, fiquei com medo que rasgasse e guardei numa caixinha.
Ali ficou, mais uns meses.
Até que num fim de semana a 3 e uma barriga (estava grávida do JL), trouxe este do hotel onde estavamos.
Estes são os meus dois preferidos, depois daquele lá de cima
E hoje em dia, tenho isto:

Já tenho colegas/amigos que me trazem pacotinhos de açucar diferentes de sítios onde vão.
E eu associo-os a cada pessoa que mos dá :o)

Um café. E um copo de Água, por favor.

A remexer no telemóvel e a descarregar fotografias. Foi assim que encontrei uma série de fotos que tirei a coisas que queria pôr aqui no blog.

Uma delas foi esta:

Num café muito agradável em Almada, poupam caminhadas aos empregados e ainda transformam um simples e corriqueiro pedido numa imagem agradável à vista: pede-se o café e vem logo acompanhado do copinho de água, numa base decorada com folhas secas ou grãos de cefé.
Giro. Original.
Tuga. Mas mais cá de cima (no Algarve acho que isto era impensável).

Revista Activa

Devia ser fim do mês todas as semanas!!!! Concordam? Eu sei que sim.
Mas nem é pelo ordenado que chega à conta por esta altura (se bem que não vinha mal ao mundo se passassemos a receber à semana - digo eu!).
É mesmo porque quando começa a chegar o fim do mês lá chega às bancas, quiosques e expositores de supermercado uma companhia de que gosto muito:



Revista Activa Outubro/2010

Depois de a comprar, dou uma passada geral pelas páginas como quem descobre um tesouro. E depois lá vou esmiuçando cada artigo.
Sou fã da Catarina Fonseca, a escrita dela é fantástica e transmite uma alegria enorme mesmo quando os assuntos são delicados.
Delicio-me ao ler o conto da Alice Vieira, com palavras doces que nos enternecem.
Os temas, sempre actuais despertam a minha atenção. Moda e Saúde, sem esquecer a parte dos Filhos, além das sugestões que dão a nível cultural e de lazer.

Já sou Activa há uns anos valentes, antes mesmo de ser mulher.
E é fácil, porque ao tentar fugir das futilidades que muitas revistas mensais apregoam, sobram poucas, muitos poucas, com que me identifique.
Há algumas que até são boazinhas... mas não há como a original!