13/01/14

Que merda de post

Sinto o meu peito apertado, o coração pequenino... De quando em quando dou por mim longe do que me rodeia, distante do que acontece à minha volta.
Como se as vozes se começassem a dissipar e tudo se tornasse invisível. Dou por mim dentro da minha própria cabeça a pensar no que se estará a passar e quando me apercebo, estou a lembrar. Lembrar de situações, cheiros, risos, toques. Vejo a curva dos lábios quando te ris, o brilho dos teus olhos quando falas comigo... se fechar os olhos com força acho que até consigo sentir a firmeza dos teus braço, a leveza das tuas mãos enquanto me abraçavas, sem que fosse precisa nenhuma razão.

Tem estado demais... a saudade anda a custar tanto, mas tanto, mas taaaaaaaanto.

Só me apetece chorar. Fechar os olhos e chorar. Chorar. Chorar e chorar...
Tantas saudades...
Tenho tantas saudades.

posted from Bloggeroid

3 comentários:

  1. É Cléia! sei bem o que é isso .... força querida!

    ResponderEliminar
  2. Bjinho grande minha querida!!!
    e um xi coração!
    anima te n te quero ver assim!!!

    ResponderEliminar